Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

31/03/2014 17:20

Acidente na BR-163 matou dona de hotel e sua mãe

Campo Grande News

O acidente, envolvendo uma caminhonete Mitsubishi L-200 e duas carretas, matou a empresária Rosimeire Vidovix Nunes, 45 anos, dona do Hotel Alphavile, em Coxim, a 260 quilômetros da Capital. Apesar de ter ocorrida por uma fatalidade, o estouro do pneu do utilitário, a tragédia teve como causa o excesso de velocidade, segundo o delegado Antenor Batista.

A mulher e mãe, Valdelice Vidovix, viajavam de Coxim para Campo Grande, quando, na altura do quilômetro 575 da BR-163, perto do distrito de Congonhas, em Bandeirantes, a 100 quilômetros da Capital, houve o estouro do pneu e a caminhonete colidiu com duas carretas, uma carregada com 32 toneladas de tacos de madeira e outra com 37 toneladas de soja.

Os dois veículos tombaram e a rodovia está totalmente interditada para o tráfego de veículos entre Bandeirantes e São Gabriel do Oeste. Segundo o agente Gabriel Lima, da PRF (Polícia Rodoviária Federal), o congestionamento tem aproximadamente 5 quilômetros em cada sentido.

O Corpo de Bombeiros e a PRF aguardam a chegada da perícia para retirar os corpos das ferragens. A carreta com soja é de Santa Helena (PR). A outra é de Curitiba (PR).

Uma testemunha do acidente fotografou o velocímetro da caminhonete, que estava na marca de 150 km/h.
Para o delegado Antenor Batista, a imprudência e o excesso de velocidade é a principal causa de acidentes na BR-163. Ele também atribuiu a tragédia a falta de uma terceira faixa.

No mês passado, o Campo Grande News revelou que algumas faixas adicionais foram retiradas da BR-163 pelo DNIT (Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transporte). O órgão alegou que a recomendação foi da PRF, que apontou a faixa adicional como a principal causa de acidentes em alguns trechos da BR-163 entre Campo Grande e Coxim.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)