Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

23/01/2008 07:15

Absolvido acusado de matar comerciante

TJGO

O policial militar Carlos Sebastião Arruda Santana, de 62 anos, foi absolvido da acusação do assassinato do comerciante Carlos Marcelino Alves, então com 36 anos, na sessão de sexta-feira no 1° Tribunal do Júri de Goiânia, presidida pela juíza Carmecy Rosa Alves de Oliveira. O crime ocorreu na tarde de 25 de fevereiro de 1993, na Empresa Nacional de Mineração Ltda., na Vila União.

De acordo com a denúncia, Antônio Carlos Alves de Calvares, que era irmão da vítima e proprietário da empresa onde ocorreu o crime, devia 11 mil dólares a João Yosikazu Maeda. João Maeda pediu para seu amigo Alquino Gomes da Silva fazer a cobrança junto com ele. Alquino aceitou e chamou o réu para acompanhá-lo na cobrança da dívida. Consta ainda que, ao chegar no local do crime, João Maeda e Alquino foram encaminhados ao escritório onde estava Antônio, já o acusado ficou aguardando na sala de espera, enquanto Carlos ficou no corredor que dava entrada para o escritório.

Ainda de acordo com a denúncia, no escritório surgiu uma discussão entre Antônio e João Maeda contendo ameaças de morte, pelo fato de Antônio não ter intenção de pagar a dívida. Neste momento, Antônio gritou para Carlos atirar em João Maeda, que foi advertido por Sebastião para que não fizesse aquilo. Neste momento, Carlos desferiu dois tiros em direção a Sebastião. Quando o acusado foi revidar, Tedy Kenedy Lisboa de Calvares apareceu de repente e foi atingido na mão direita. Carlos foi morto com dois tiros, um na região infraclavicular esquerda e outro na região torácica esquerda. Após o crime, Sebastião tomou a arma da vítima e fugiu junto com João Maeda e Alquino. (Juliana Faleiro)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)