Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/06/2007 14:41

Abate de precoce soma repasse de R$ 1,6 mi a pecuaristas

Cristiane Sandin - Portal do Governo

A produção de carne com qualidade e, principalmente, preço diferenciado tem atraído pecuaristas de todo o Estado. Com um plus significativo por animal, o Programa Novilho Precoce repassou nos quatro primeiros meses do ano R$ 1.669.331,13 em incentivo as 3.386 propriedades credenciadas. Comparado a igual período do ano passado, o crescimento é de 18,4%.

Conforme os dados da Superintendência de Agricultura e Pecuária da Secretaria de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo (Seprotur), dos 108.160 bovinos abatidos até o mês de abril, nos oito frigoríficos credenciados no Estado, 85.646 foram classificados como precoce de acordo com a tipificação de carcaça.

Para o superintendente de agropecuária da Seprotur, João Carlos Krug, o índice de eficiência de 20,8% mostra que boa parte dos pecuaristas vem aumentando o desfrute dos animais. “A redução da idade de abate e a suplementação alimentar faz com que haja, cada vez mais, um aumento no desfrute e com isso um maior giro do rebanho na propriedade, aumentando também o faturamento. Temos um grande rebanho, e de ótima qualidade, mas se comparado aos EUA e Austrália, por exemplo, o desfrute ainda é baixo. Com investimentos em manejo, genética e melhor alimentação, podemos aumentar esse desfrute oferecendo mais carne e de melhor qualidade”, ressalta krug.

Entre os bovinos classificados até o mês de abril, o maior índice é de machos com 70.618 abates. Nesse caso, os animais chegaram a atingir um peso médio de 17,51 arrobas com incentivos médios de R$ 20,14 por cabeça, um repasse de R$ 1,4 milhão. Já as fêmeas representaram 21,3% dos classificados. Com uma média de peso de 13,83 arrobas e um incentivo médio de R$ 16,26 por cabeça, um total de R$ 247,2 mil em incentivo.

Ainda com base no desempenho do programa, a maior parcela dos animais abatidos foram classificados na categoria dois dentes (permanentes), ou seja, obtiveram como incentivo uma redução de 50% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) vigente, somando repasse de R$ 763,2 mil. Na seqüência, ficaram as categorias quatro dentes (permanentes), com R$ 550,1 mil e dente-de-leite (sem nenhuma queda), com R$ 225,6 mil.

Os pecuaristas que ainda não fazem parte desse grupo, mas que estão interessados em participar do programa, podem obter mais informações no site www.seprotur.ms.gov.br ou pelo telefone (67) 3318-5014.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)