Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/10/2005 14:09

Abate de bovinos foi retomado esta manhã em Eldorado

Graciliano Rocha e Aline Santos, de Eldorado
Adriano HanyAdriano Hany

Mais de 100 técnicos da Iagro e do Ministério da Agricultura continuam trabalhando para manter isolado o foco de febre aftosa na fazenda Vezozzo, em Eldorado, a 435 km de Campo Grande.

Na fazenda onde foi confirmada a doença em 153 animais na segunda-feira continua o sacrifício do rebanho. O abate começou ontem, mas foi interrompido pela chuva. A manhã de hoje está ensolarada e o trabalho na fazenda começou logo cedo. Até o final do dia, deverão ter sido sacrificados 582 cabeças de gado e sete porcos na propriedade. Os animais estão sendo abatidos a tiros.

O acesso à fazenda é restrito aos sanitaristas. Foram estabelecidas cinco barreiras fixas. Duas delas estão nos arredores de surgimento do foco – uma na estrada vicinal que liga a BR-163 a um conjunto de fazendas na região. Outra na entrada da fazenda. Todo veículo que chega ao local é esterilizado com uma solução à base de sabão e iodo. Até os cavalos, principal meio de transporte dos trabalhadores da região, recebem a solução.

Num raio de três quilômetros a partir da Vezozzo, outras três fazendas estão interditadas. Nenhum animal ou produto de origem animal pode deixar o círculo. Um segundo círculo de isolamento sanitário, com um raio de 15 quilômetros, foi estabelecido pelas autoridades. Nele estão, 76 propriedades rurais – 9 delas também foram interditadas.

O centro nervoso de toda a operação é a agencia da Iagro em Eldorado. Nela, mapas se espalham pelas paredes e o ritmo é frenético. Os técnicos também trabalham com suspeitas de novos focos em municípios vizinhos, mas por enquanto não há confirmação. As suspeitas estariam em Mundo Novo e Japorã.

A expectativa nesta manhã é grande com a chegada do ministro Roberto Rodrigues (Agricultura). Autoridades sanitárias do Paraguai já estão no local à espera do ministro para uma reunião. A proprietária da fazenda, Mariza Vezozzo, também está na Iagro. Ela espera conversar com o ministro para saber sobre as providências do governo com relação à indenização pelos prejuízos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)