Cassilândia, Terça-feira, 26 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

01/09/2017 14:46

A vida do prefeito Ib Fabres de Queiroz, segundo Corino Rodrigues de Alvarenga

Redação
A vida do prefeito Ib Fabres de Queiroz, segundo Corino Rodrigues de Alvarenga

Ib Fabres de Queiroz nasceu no dia 12 de agosto de 1926, na cidade de Paranaíba, filho de Joaquim Evaristo de Queiroz e de Laura de Queiroz. Em sua cidade natal permaneceu até 1945, ano em que mudou-se para Três Lagoas e lá começou a trabalhar numa pequena farmácia, onde aprendeu a líder com medicamentos e técnicas farmacêuticas. Trabalhou três anos e aprendeu rapidamente a profissão; aos poucos foi juntando remédios e produtos medicinais, como porções e substâncias terapêuticas. Foi no ano de 1948 que resolveu vir para Cassilândia.

Veio de caminhão numa viagem muito demorada devido aos tantos buracos e aos desvios da estrada rudimentar que mais parecia uma picada a cortar o denso matagal, tendo como ponto de chegada a fazenda do seu João Mariano.

Tão logo que chegou à nossa cidade, Ib foi conquistando amizades e mais amizades, principalmente no futebol, pois jogava muito e não brigava menos do que isso, conforme lembrança do senhor Paulo Nogueira, um grande colaborador deste compêndio histórico.

Apesar de polêmico jogando futebol, Ib sempre foi uma figura simpática que conquistava amigos com facilidade. Sempre brincalhão e contador de anedotas, o promissor Ib foi conquistando a simpatia dos cassilandenses, e, no dia 15 de novembro de 1969, foi eleito prefeito com expressiva votação. Em sua gestão, construiu e reformou estradas e pontes, ajudou na construção da Paróquia São José; ajudou na construção de outras obras, dentre elas o moderno posto de saúde municipal. Ele foi o primeiro presidente na inauguração do Lions Club de Cassilândia. “A primeira festa do peão de boiadeiro foi realizada no terreno em que depois virou sede do Máximo, e, naquela época, a entrada era franqueada a todos. O cercadão era bem menor, a emoção a mesma, e os mesmos motivos para o encontro”, disse Ib Fabres, puxando muitas lembranças de sua boa memória.

Quando estava na juventude, numa noite de sábado, ele apareceu à porta de um baile, com uma garrafa de pinga na mão, misturada e adicionada a gengibre e mel de abelha europa. Chegando à turma de sempre, com cara de quem aparecia com uma nova, convidou-a, de súbito:

- Turma, vamos tomar uísque?

- Ora, isto não é uísque – disse um deles.

- Claro que é. É uísque de pobre...

Logo no início havia inaugurado uma farmácia com o nome de São José, o padroeiro da cidade, situada na Rua Sebastião Leal, à altura do antigo Cinema Alvorada. Foi no ano de 1952 que Ib Fabres de Queiroz casou com a jovem Judith Maria Costa, vindo a separar 11 anos depois. Casou novamente com Rosalina Garcia de Carvalho, que concebeu três filhos: Rosângela, Fabres e Laura.

IB FABRES DE QUEIROZ E A VIDA PÚBLICA

Ib Fabres de Queiroz teve grande participação na vida pública de Cassilândia. Vamos à história.

Diz o documento oficial: Ata de posse e instalação da Câmara Municipal de Cassilândia MT. Às 14h do dia 31 de janeiro de 1955, nesta cidade de Cassilândia, Comarca de Paranaíba, Estado de Mato Grosso, em edifício da Prefeitura Municipal, na sala destinada ao funcionamento da Câmara Municipal, sob a presidência do vereador Manoel da Silva, consoante instruções do Egrégio Tribunal Regional Eleitoral, realizou-se a sessão solene pra posse dos vereadores eleitos no pleito de 3 de outubro de 1954, a instalação da Câmara Municipal deste município para o período de 1955 a 1959.

Presentes os candidatos eleitos Antônio Manoel da Silva, Ib Fabres de Queiroz, Acyr Barbosa Sandoval, Arbilião Alves Guimarães e Elihú Root Rodrigues do Egito; procedeu-se o senhor presidente a chamada dos mesmos para a apresentação dos respectivos diplomas e demais documentos redigidos pela legislação em vigor; que depois de examinados foram julgados aptos a mister a que se destinavam. Em seguida, o senhor presidente convidou a todos os candidatos para que de pé proferissem o compromisso de posse nos termos seguintes: “Prometo desempenhar fielmente o mandamento que me foi outorgado, respeitar a Lei Orgânica e promover, quanto em mim couber, o bem geral do município”, cujo compromisso foi lido pelo senhor presidente, tendo os seguintes vereadores individualmente declarado “Assim o prometo”. Prosseguindo os trabalhos, o senhor declarou empossados os vereadores Arbilião Alves Guimarães,Ib Fabrews de Queiroz e Acyr Barbosa Sandoval, da bancada do Partido Social Democrático; Antônio Manoel da Silva e Elihú Root Rodrigues do Egito, da bancada da União Democrática Nacional. Continuando o vereador Manoel da Silva, presidente em exercício, anunciou a eleição dos membros da mesa diretora que regerá os trabalhos da comarca na sessão legislativa; iniciando por escrutínio secreto a votação par ao preenchimento dos cargos de presidente, vice-presidente, primeiro e segundo secretários. Terminada a votação o senhor presidente convidou os vereadores Arbilião Alves Guimarães com cinco votos; para vice-presidente Ib Fabres de Queiroz com três votos; pra primeiro secretário Acyr Barbosa Sandoval com quatro votos; e para segundo secretário Manoel da Silva com cinco votos. Finalizando a sua missão o senhor presidente declarou empossados os vereadores eleitos aos postos de direção da Câmara Municipal e declarando encerrada a presente sessão preparatória, mandou a mim, Leônidas Garcia da Silva, que serviu de secretário, lavrasse a presente Ata e depois de lida e achada conforme vai por todos assinada.” E foi lavrada uma segunda ata, declarando empossados o prefeito Sebastião Leal e o vice-prefeito Raul Rezende e silva para os cargos respectivos em mandato de 1955 a 1959.

Em 1958, foram eleitos os seguintes vereadores: Joaquim Tenório Sobrinho, Cecílio Alves Adriano, José Maria de Souza, Acyr Barbosa Sandoval e Donato Paulino Borges, sendo o presidente da Câmara Joaquim Tenório Sobrinho, por ser o mais idoso. Foi lavrada ata também para a posse do prefeito eleito João Albino Cardoso e vice-prefeito José Severino Borba.

No dia 31 de janeiro de 1963, de acordo com ata, foram empossados os seguintes vereadores, em sessão realizada no Grupo Escolar de Cassilândia: Alceu Vaz Leonel, João da Silva Castro, Ornatino de Souza, Pedro Mora e Waldir Alves Gonçalves. Foi lavrada a ata para a posse do prefeito Joaquim Tenório Sobrinho e do vice-prefeito Manoel Nogueira da Cunha.

No dia 31 de janeiro de 1967, foram empossados os vereadores eleitos pela Aliança Renovadora Nacional, a Arena: João Garcia de Freitas, João Vicente de Queiroz, Antônio Rodrigues da Silva, Conceição Barbosa Dias, Orácio Gonçalves Neto, Pedro Moura, Mário Pereira de Camargo, Deonato Paulino Borges e Wilson Barbosa da Silva. Em seguida, foram empossados o prefeito Laerte Paes Coelho e o vice-prefeito Laucídio Barbosa Dias.

No dia 31 de janeiro de 1970, foram empossados os vereadores Afonso Pereira de Almeida, Antônio Rodrigues Sobrinho, Donato Paulino Borges, Laudelino José de Souza, Natal Gomes, Vanderlan Lima, Claudionor Coelho da Rocha, Luiz Gonzaga Maciel e Souza e Celes de Castro Paulino, eleitos no dia 15 de novembro de 1969. A posse ocorreu no Cine Alvorada. Foi eleito presidente Antônio Rodrigues Sobrinho. Foram declarados prefeito Ib Fabres de Queiroz e como vice-prefeito Joaquim Tenório Sobrinho.

 

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 25 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 24 de Setembro de 2017
18:01
Município suspende aulas
11:00
Mundo fitness
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)