Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

09/11/2015 11:01

A quem interessa as eleições da OAB

Manoel Afonso
Manoel Afonso escreve para jornais e sites de MSManoel Afonso escreve para jornais e sites de MS

É a mesma ladainha a cada pleito da Ordem dos Advogados do Brasil em nosso Estado, e em todo o país. O assunto ocupa espaço na mídia onde cada candidato vende seu peixe e apresenta sua plataforma a toda sociedade.


É como se os destinos da entidade e sua forma de gerenciamento estivessem ligados diretamente à vida e ao dia a dia de todos os cidadãos. A dimensão dada a escolha dos dirigentes transcende aos seus limites da lógica.


Oportuno lembrar que entidades classistas que congregam e representam médicos, engenheiros, dentistas e outros profissionais realizam suas eleições para escolha de seus dirigentes. E em nenhuma delas há a tentativa de envolvimento da sociedade no processo.


Apenas a título de comparação. Argumentam os advogados que a entidade deles seria a paladina da democracia, da defesa do Estado de Direito e da cidadania. Mas o que dizer então dos médicos, que cuidam da nossa saúde e das nossas vidas? Mesmo assim, nas eleições do Conselho Regional de Medicina, não há esse estardalhaço – nem longe – como fazem os advogados.


Como advogado e ex-conselheiro da OAB-MS podemos dizer que os interesses pelo comando da entidade vão muito além do simples exercício da representatividade. Vários outros aspectos não são divulgados ao longo da campanha por razões óbvias. Presidir essa entidade garante status, visibilidade política e bom trânsito junto aos poderes constituídos.


Mas insisto: ouvindo as entrevistas dos candidatos e lendo suas propostas, não me convenço de que essa tentativa de envolvimento da sociedade no pleito seja sensata. As pessoas comuns não tem intimidade com a forma e os dispositivos legais que regem a administração da OAB. Daí que a essa discussão de valores deveria ser restrita apenas aos advogados, os únicos eleitores habilitados ao pleito.

Mas como o advogado – em tese – seria um agente político de bom potencial, aproveita-se a ocasião para aumentar a musculatura e até preparar terreno visando alçar outros voos. Afinal, a OAB tem sido trampolim de projetos políticos como mostram os exemplos de personagens locais e nacionais.


Penso eu; também nestas eleições o eleitor será usado e não sabe. É velho filme!


De leve...

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)