Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/09/2013 17:20

A matéria sobre a interdição da carne nas escolas municipais

Bruna Girotto

A professora Rosevânia, que perdeu uma sala de aula após tecer críticas sobre a educação municipal na última semana, ligou no programa Rotativa no Ar da última sexta-feira (13) e disse que as crianças da creche do Balmant ficaram um semana se alimentando da carne que sobrou do aniversário da cidade. Na Juracy Lucas, segundo a professora, eles também receberam.

Em entrevista ao Rotativa no Ar, a professora Meire, Secretária de Educação do município, disse que a Vigilância Sanitária foi ao CMEIC, localizado na Vila Imperatriz, e notificou o município pelo uso da carne no Centro de Educação, que havia sido doada exclusivamente ao aniversário da cidade. 

"Nós recebemos essa notificação da Vigilância. Encaminhamos para a procuradora do Município, que entrou em contato com o Ministério Público para ver o procedimento a ser adotado. Essas carnes não serão utilizadas até uma resposta. Elas estão lacradas dentro do freezer e outras carnes chegaram para serem fornecidas", explicou.

Segundo a secretária de educação, "são carnes de doação, do aniversário da cidade, congeladas, e que foram enviadas para as escolas".

Disse mais: "O que consta na notificação é que era para suspender o consumo. O que podemos deixar claro para a comunidade, principalmente para os pais da rede municipal, é que a carne consumida era congelada".

A procuradora do município, Nadir Gaudioso, confirmou que houve uma notificação. "A vigilância sanitária não tem autonomia para inspecionar um material destes. Até posterior deliberação, as carnes estão lacradas, serão inspecionadas, e se estiverem aptas a serem utilizadas, tudo bem, se não estiverem, serão incineradas", falou a advogada.

Segundo a Nadir, "a nutricionista faz o cardápio, não faz a inspeção". A inspeção de carne, segundo ela, seria atribuição de um médico veterinário.

Carne que foram doadas para o aniversário da cidade, estavam para serem consumidas nas escolas municipai? Será que nese periodo entrou nota fiscal de compra de carne. Com a palavra os vereadores. Ja sei estão viajando.
 
Waldomiro em 14/09/2013 17:48:19
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)