Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

10/09/2016 09:00

A limpeza dos primeiros dentinhos

Click Bebê

A mãe deve começar os cuidados com a higiene bucal do bebê logo que despontar a primeira dentição, por volta do 6º mês, podendo ocorrer uma variação de criança para criança.

Os primeiros dentes a nascerem são os incisivos centrais inferiores, seguidos pelos incisivos centrais superiores. “Se houver inversão na ordem de nascimento, os pais devem procurar o dentista, pois essa alteração pode provocar um problema na oclusão (mordida) da criança, avisa a odontopediatra, Sandra Echeverria, professora Titular da Disciplina de odontopediatria da Pontifícia Universidade Católica de Campinas.

Antes do surgimento do primeiro dente, o bebê fica um pouco chatinho por conta da gengiva inchada. “Ele pode ficar facilmente irritado, ter dificuldade para dormir ou acordar à noite e apresentar falta de apetite”, explica a pediatra Mariane Franco, presidente do Departamento de Pediatria Ambulatorial da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP).

Para amenizar o desconforto, a pediatra indica colocar mordedores na geladeira, já que a temperatura mais baixa ajuda a anestesiar e aliviar a dor. Nessa fase, os bebês sentem vontade de ficar constantemente mordendo algo e isso auxilia a rasgar a gengiva. Por isso, outra boa alternativa é oferecer alimentos durinhos, como cenoura.

O nascimento de um dente pode também vir acompanhado de uma febre e uma leve diarreia. “Geralmente, não é necessário nenhum medicamento. Na hipótese de muito desconforto e temperaturas acima de 37,5, a criança pode ser medicada com um antitérmico e uma pomada fitoterápica a ser colocada na gengiva. Nesse caso, a mãe deve consultar o pediatra”, indica Mariane Franco.

Você também vai perceber que o seu filho vai babar muito, mas isso não se deve ao nascimento dos dentes, como as pessoas imaginam. O aumento da salivação tem relação com a maturação de glândulas salivares que acontece a partir do terceiro mês de vida e se prolonga até o 6º mês, coincidindo com o nascimento dos dentes.

Higiene

A limpeza deve ser iniciada a partir do nascimento do primeiro dente. O ideal é utilizar uma escova de dente convencional de cabeça pequena (compatível com o tamanho da boca do bebê) cerdas macias e cabo longo, que facilita a empunhadura da escova pela mãe ou responsável pela higiene. O creme dental deve ser utilizado na concentração entre 1000 e 1500 ppm de flúor (essa informação está disponível no rótulo do creme dental, na maioria das vezes em letras bem pequenas, na parte de trás do tubo).

O importante é não escolher a pasta pela faixa etária descrita no rótulo, pois muitas vezes o produto não tem em sua composição a quantidade de flúor suficiente para combater a cárie. “A quantidade de creme dental também deve ser supervisionada pelo pais para evitar a fluorese dentária (excesso de flúor), que causa manchas nos dentes. O ideal é o equivalente a um grão de arroz e a escovação pode ser feita até três vezes ao dia. E não se preocupe se o bebê não cuspir toda a pasta, pois alguns estudos mostram que não causa nenhum malefício à criança”, explica a odontopediatra, Sandra Echeverria.

Já o uso do fio dental, por sua vez, deverá ser introduzido a partir do momento em que o bebê já tiver dentes vizinhos em contato.

De acordo com a Associação Brasileira de Odontopediatria, a primeira visita do bebê ao dentista deve acontecer no surgimento dos dentes ou mesmo antes disso – ato que deve se repetir a cada seis meses. Isso porque o profissional, além dos dentes, analisa várias estruturas e funções orais importantes para saúde do bebê e cabe a ele orientar a mãe sobre os cuidados de higiene bucal, hábitos como chupeta, mamadeiras e sucção de dedo. E quanto antes essas informações são transmitidas para a mãe, mais facilmente serão introduzidas no momento correto na vida da criança.

Fontes:
– Sandra Echeverria, professora Titular da Disciplina de odontopediatria da Pontifícia Universidade Católica de Campinas. (CRO – 47477)
– Mariane Franco, presidente do Departamento de Pediatria Ambulatorial da Sociedade Brasileira de Pediatria. (CRM – PA 4274)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)