Cassilândia, Domingo, 28 de Maio de 2017

Últimas Notícias

18/02/2015 15:30

7 princípios para você ter um relacionamento saudável

Bibiana Teodori

Em um relacionamento amoroso bem-sucedido, constrói-se uma vida em comum agradável a ambas as partes. Isso só acontece quando existem propósitos e significados em comum, fortes o suficiente para que os dois se sintam motivados ao imaginar um futuro juntos.

O psicólogo John Gottman identificou em casais estáveis e saudáveis 7 princípios capazes de criar e fortalecer os sistemas de amizade e significado. Conheça cada um deles:

1) Identificar e aperfeiçoar o mapa do amor

Casais emocionalmente inteligentes conhecem o universo um do outro e possuem um “mapa do amor” do parceiro. Isto é, conhecem seus gostos e preferências, objetivos, valores, visão de mundo, anseios, temores e esperanças.

Uma explicação prática pode ser a de um piloto, que se utiliza de vários mapas para conduzir um avião. Essas representações permitem a ele fazer o julgamento correto diante de uma ampla variedade de situações no ar.

Em nossa vida, cada um de nós experimenta o mundo através dos sentidos (visão, audição, tato, olfato e paladar) e do território. Assim, criamos nosso mapa interno a partir do mundo externo, mas o que está do lado de fora pode não ser a mesma coisa que está na sua mente, pois mapas são apenas réplicas. Nós respondemos de acordo com o mapa de nossos valores, nossas crenças, memórias e conhecimento cultural.

Assim, aperfeiçoar o mapa do amor significa saber quais são as preferências, valores, forças, objetivos e desafios do parceiro.

2) Cultivar afeto e admiração

É fundamental existir admiração e respeito entre o casal. Sem isso, não há motivação para mudanças e melhorias – e muitas vezes, não há nem sequer motivação para permanecer juntos. Os casais felizes dedicam 5 horas adicionais por semana ao cultivo desses sentimentos, seja para reuniões a dois, cumprimentos e saudações, troca de abraços, beijos, saídas, passeios e atividades prazerosas.

3) Voltar-se para o outro

Sentimentos positivos são criados também através dos “lances”, uma forma de chamar a atenção do outro. Por exemplo: um sorriso, um convite para partilhar algo, uma “indireta” para algo que gostaríamos de receber ou até propostas mais explícitas (“Faz tempo que a gente não sai para jantar...”). Voltar-se para o outro significa ficar atento aos “lances”, respondê-los o quanto antes e deixar-se influenciar.

4) Apoiar-se um ao outro

Trata-se de atuar junto com o outro, e não contra. Divida decisões, negocie concessões. Partilhe o poder.

5) Resolver os problemas que podem ser resolvidos

Segundo o John Gottman, as divergências pontuais e solucionáveis constituem apenas 31% dos conflitos do casal, mas isso não significa que seu potencial para causar estragos seja desprezível. Tudo aquilo que pode ser resolvido deve ser solucionado o quanto antes, a fim de evitar o desgaste desnecessário.

Se o casal não consegue negociar e se comprometer até mesmo para a resolução de questões menores, não irá administrar os conflitos perpétuos. Pense o que poderia ser feito para ajudar a resolver o conflito e apresente as sugestões a seu parceiro. Tenha uma comunicação que manifeste apreciação.

6) Encontrar o sonho dentro do conflito

Os conflitos eternos podem levar os parceiros a se fecharem em suas posições, uma vez que a base desses conflitos são sonhos, às vezes nem sempre expressos claramente, e valores do indivíduo. O segredo é entender e honrar o sonho do outro. Questões perpétuas nunca ou raramente são resolvidas, porém, ao honrar o sonho um do outro, o casal abre caminho para poder administrá-las de maneira a controlar e reparar os danos ao relacionamento.

7) Criar o caminho para um futuro juntos

Um aspecto crucial para a saúde da relação é criar mais significados compartilhados. Para isso, é necessário trabalhar os rituais de conexão e o projeto de vida em comum do casal. Tudo isso varia de casal para casal, mas cito alguns exemplos para facilitar a compreensão:

- Hábitos, costumes, práticas: dar um passeio de mãos dadas a cada manhã de domingo, ir num determinado restaurante que possui um significado especial para os dois, praticar caminhada juntos, celebrar certas datas de um modo específico.

- Narrativas e mitos: refere-se ao modo como o casal relembra e reconta os eventos marcantes de sua relação, acrescentando narrativa a seus “mitos” compartilhados (estávamos mesmo predestinados um ao outro). As narrativas e mitos refletem o caráter único e especial que o casal confere a esses eventos, a sua história. E refletem, também, o seu grau de conexão.

- Símbolos: trata-se de tudo aquilo a que o casal atribui um significado simbólico positivo para a relação, seja “a nossa música”, “o nosso filme”, “o nosso lugar”, etc.

- Propósito de vida: finalmente, como propósito de vida, entram valores, objetivos, sonhos compartilhados e como o casal pretende alcançá-los. É fundamental que os dois partilhem os mesmos objetivos e que encontrem meios para realizá-los.

* Bibianna Teodori é Executive e Master Coach, idealizadora e fundadora da Positive Transformation Coaching. Autora do livro “Coaching para pais e mães – Saiba como fazer a diferença no desenvolvimento de seus filhos” e coautora de "Coaching na Prática - Como o Coaching pode contribuir em todas as áreas da sua vida”. www.bibiannateodoricoach.com.br

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 28 de Maio de 2017
Sábado, 27 de Maio de 2017
10:00
Receita do Dia
Sexta, 26 de Maio de 2017
10:01
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)