Cassilândia, Terça-feira, 23 de Outubro de 2018

Últimas Notícias

19/09/2018 11:00

6 dicas sobre alimentação para quem deseja viver até os 100 anos

Gazeta Esportiva

Visando aumentar o tempo de vida do homem de forma saudável, a comunidade científica tem lutado e se empenhado para alcançar esse objetivo. Porém, o estilo de vida atual e corrido do século XXI, fez as pessoas se adaptarem a novos hábitos alimentares que não são benéficos para a saúde, e que podem ocasionar doenças como ansiedade, obesidade, diabetes, aumento de pressão arterial e excesso de gordura no sangue. Pensando nisso, a médica Cíntia Rios, que estuda longevidade há 5 anos, desenvolveu um material descrevendo 6 dicas de alimentação que podem nos ajudar a viver melhor.

Evitar alimentos industrializados
Apesar da praticidade que a comida industrializada oferece para o nosso dia a dia, os alimentos que estão embalados contém corantes, conservantes, emulsificantes, aromatizantes e estabilizantes. Ao fazer uso regular deste tipo de alimento, estamos correndo o risco de desenvolver alergias, câncer, diabetes, obesidade e, em crianças, hiperatividade, obesidade infantil, comprometimento do crescimento e até da dentição, podendo aparecer as cáries.

Evitar comer sempre fora de casa
Uma pesquisa recente da Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação aponta que uma grande maioria da população brasileira passou a comer fora de casa. E esse hábito deve aumentar. Seja porque muita gente mora sozinha, seja por não ter quem faça, seja por não ter tempo, muitas pessoas estão optando por esse tipo de alimentação. Porém, além da necessidade de sempre verificar a higiene do lugar e o tipo de comida que eles servem, as comidas oferecidas em restaurante, normalmente, contém bastante sódio, o que não faz bem para a nossa saúde.

Aumentar a quantidade de peixe do seu cardápio
O peixe está em quarto lugar no ranking brasileiro de escolhas de carnes, atrás do frango, porco e carne vermelha. Porém, apesar da carne bovina ser mais rica em gorduras em geral, quando consumida excessivamente, aumenta o risco de doenças cardíacas e de problemas na saúde que, futuramente, podem ocasionar uma doença crônica. Existe um guia chamado Guia Alimentar Para a População Brasileira, onde o Ministério da Saúde faz recomendações para o consumo do peixe. Alguns peixes são uma ótima fonte de ômega três, são ricos em proteínas, vitaminas e minerais. São fontes de vitaminas A, E e D e em ferro, iodo, magnésio, cálcio e potássio.

Evitar o consumo de carne vermelha no jantar
A noite foi feita para descansar. Então, a alimentação noturna é essencial para garantir um bom descanso. Se você ingere alimentos “pesados”, como a carne vermelha, seu estômago vai absorver esse “peso” e trabalhar de forma mais lenta, levando muito mais tempo para digerir, podendo atrapalhar o seu sono. Se seu estômago não descansa bem, você também não. A carne é uma excelente fonte proteica, mas não é a única. Você pode optar por outras na hora do jantar. Se a sua alimentação é boa, seu corpo reagirá de maneira positiva. Se o corpo está são, a mente também estará e sua noite agradece.

Beber muita água sempre
Muito se fala da importância da alimentação, mas se esquecem da água. Responsável pelo transporte de nutrientes, hidratação do organismo e eliminação de componentes tóxicos, a água representa mais de dois terços do nosso corpo. Devemos ingerir entre 2 e 2,5 litros de água por dia. Algumas doenças do cotidiano podem ser atribuídas a falta de água, como fadiga, constipação do intestino, reumatismo e dores de cabeça. Por fim, ela controla as calorias, mantém o equilíbrio do organismo, estimula os músculos, auxilia o funcionamento dos rins, contribui para uma pele melhor, ajuda no combate ao sobrepeso e melhora a absorção e distribuição dos alimentos.

Adequar a alimentação às atividades físicas
Ao se alimentar adequadamente antes de seu treino, os ganhos serão muito maiores. Alguns alimentos podem causar indisposição em algumas pessoas, logo, podemos relacionar itens que podem ser benéficos para o seu treino. É importante lembrar que somente através de uma consulta, você poderá saber, com segurança, o que lhe trará benefícios ou não. Porém, podemos listar alguns alimentos que podem ser indicados para o pré treino. Uma boa opção seria a batata doce (carboidrato) associada ao frango desfiado (proteína). Outra opção seria a tapioca com ricota, ou com frango desfiado. No quesito fruta, podemos usar a banana (rica em potássio) batida com aveia. Ou seja, você tem algumas boas opções para consumir e ter um bom treino!

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 23 de Outubro de 2018
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do Dia
Segunda, 22 de Outubro de 2018
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do Dia
Domingo, 21 de Outubro de 2018
11:00
Mundo Fitness
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)