Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/11/2007 13:17

13º Salário injetará 64 bilhões na economia, diz Dieese

O pagamento do 13º salário aos trabalhadores do mercado formal deve injetar R$ 64 bilhões na economia brasileira. A estimativa foi apresentada nesta quinta-feira (dia 1º) pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).

O volume deve representar em torno de 2,5% do PIB (Produto Interno Bruto), a soma das riquezas produzidas pelo País. De acordo com o Dieese, 63,8 milhões de brasileiros devem ser beneficiados. Para chegar a esses números, os técnicos utilizaram dados da Rais (Relação Anual de Informações Sociais) e do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), ambos do Ministério do Trabalho. Também foram consideradas informações da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), referente a 2006, e informações do Ministério da Previdência e do Tesouro Nacional. Foram considerados, ainda, os beneficiários - aposentados e pensionistas - que, em setembro de 2007, recebiam seus proventos do INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social) e os aposentados e pensionistas da União e dos Estados do ano de 2006.

Ao detalhar os números, os técnicos do Dieese explicaram que, dos 63,8 milhões de brasileiros beneficiados, aproximadamente 25 milhões, ou 39% do total, são beneficiários da Previdência Social. Os empregados formais (35,8 milhões de pessoas) são contribuintes da Previdência e correspondem a 56% do total.

Os empregados domésticos com carteira de trabalho assinada totalizam quase 2 milhões, equivalendo a 3% desse conjunto de beneficiários. Aproximadamente 1 milhão de pessoas (1,5% do total) referem-se a aposentados e instituidores de pensão da União, que possui regime próprio. Em relação a valores, o Dieese calcula que 21,3% dos R$ 64 bilhões - aproximadamente R$ 13,6 bilhões - serão pagos a beneficiários do INSS; R$ 43,2 bilhões, ou 67,5% do total, irão para os empregados com carteira assinada; a empregados domésticos serão destinados cerca de R$ 966 milhões, o que representa 1,5% do total.


Jorge Franco com informações da Agência Estado

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)