Cassilândia, Terça-feira, 04 de Agosto de 2020

Últimas Notícias

25/03/2020 08:50

"Lamentável" e "vergonhoso", diz bancada de MS sobre pronunciamento de Bolsonaro

Campo Grande News

 

As críticas do presidente Jair Bolsonaro a respeito das medidas de combate ao coronavírus pelo país, geraram um misto de perplexidade e revolta entre representantes de Mato Grosso do Sul, no Senado Federal e na Câmara de Deputados. O deputado federal Fábio Trad (PSD) comparou o presidente a um coveiro.

“Ao ver o presidente da Republica cavar com as próprias unhas a cova de inúmeros cidadãos e cidadãs de seu país, idosos ou não, com a completa irresponsabilidade de seu pronunciamento, asseguro-me de não ter ficado calado e me posicionar, mais uma vez, contrário a este coveiro de seu povo”, desabafou.

Já a presidente da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) no Senado, a senadora Simone Tebet (MDB), disse ter ficado perplexa após o pronunciamento. "Adianta comentar?", respondeu ao jornal Folha de São Paulo.

Em seu pronunciamento, Bolsonaro questionou o fechamento das escolas ao alegar que as crianças não fazem parte do grupo de risco. Comentário que o também deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT), chamou de “tamanha irresponsabilidade”.

“Questionar os fechamentos das escolas e dizer que seu físico de atleta garante a ele somente sintomas de uma "gripezinha" foi o fim. Totalmente contrário as autoridades de saúde nacionais e internacionais”, comentou.

Já o deputado Vander Loubet (PT) disse que o pronunciamento do presidente foi “lamentável”, “vergonhoso” e “atenta contra a vida da população”. “O pronunciamento do Bolsonaro - cheio de piadas, ironias e auto-elogios - atesta que ele não é o líder que o Brasil precisa para enfrentar a realidade atual. Bolsonaro foi inconsequente e irresponsável”, conclui.

Polêmica - A fala do presidente foi transmitida na tv aberta e rádios, no começo desta noite(24). Bolsonaro defendeu a redução das medidas de isolamento decretadas em função da pandemia do coronavírus. Disse que os prefeitos e governadores seguem uma lógica de terra arrasada e comparou a pandemia que já matou 46 pessoas no Brasil a um “gripezinha” ou “resfriadinho”. - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 04 de Agosto de 2020
Segunda, 03 de Agosto de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)