Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

05/03/2016 15:00

"Ela me enchia o saco", diz homem que manteve mãe refém por 5 horas

Waldemar Gonçalves e Natalia Yahn, Campo Grande News
Oedson foi preso e encaminhado à Depac Piratininga (Foto: Marcos Ermínio)Oedson foi preso e encaminhado à Depac Piratininga (Foto: Marcos Ermínio)

 

“Ela me enchia o saco o tempo todo”, disse Oedson Sampaio Junior, de 21 anos, preso no fim da manhã deste sábado (5) após manter a própria mãe, Luciana Untada, refém por quase cinco horas, no bairro Vespasiano Martins. Uma discussão em família teria motivado o crime, que precisou de intervenção de várias equipes policiais e do Corpo de Bombeiros.

Oedson foi levado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga. Segundo a polícia, ele é foragido da Justiça, com condenações por tráfico de drogas e roubo, e estaria sob efeito de drogas.

À reportagem, Oedson disse que não tinha usado entorpecentes, mas estava bêbado. Com os olhos bastante vermelhos, contou ter ficado irritado com a mãe porque ela não teria levado a filha dele, de 1 ano, para ficar com ele em casa.

O rapaz conta que chegou em casa, na Rua José Pacheco do Amaral, por volta das 3h. Ficou deitado no sofá à espera da mãe, que teria prometido levar a filha para ficar com ele.

“Fiquei irritado quando vi que ela chegou sem a criança”. Teria havido, então, uma discussão, e uma irmã, na versão dele, agrediu Oedson com um pedaço de telha.

Sem entrar em detalhes, Oedson também disse que a mãe teria dito algo a ele. Nas palavras dele: “ela me enchia o saco o tempo todo”.

Oedson diz que já foi preso duas vezes por tráfico de drogas. Um ano atrás, segundo o próprio, passou cinco meses do Presídio de Trânsito, em Campo Grande. “Agora, vou ficar pelo menos seis anos sem ver minha filha”, lamenta.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)