Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/11/2013 15:45

“Cheguei a pensar que nunca mais pegaria minha filha”, diz jovem após reencontro

Campo Grande News

Após reencontro entre mãe e filha, a emoção tomou conta da DEPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) na tarde desta terça-feira (19) depois que a polícia localizou a recém-nascida de seis dias roubada no último sábado (16).

“Cheguei a pensar que nunca mais pegaria minha filha em meus braços”, desabafou a jovem de 14 anos.

No momento em que pegou a filha no colo, a jovem desabou em lágrimas. “Estou aliviada”, soluçou. Aparentemente, a menina passa bem. Ela está bem nutrida e bem cuidada. Mesmo assim, a polícia pediu exames na criança para verificar o estado de saúde.

“Agora que minha ficha está caindo”, disse a jovem. Ela lembrou que no hospital uma mulher, que se identificou como assistente social, fez vários questionamentos sobre sua vida.

“Depois disso a mulher desapareceu. Ela era de pele morena, alta, magra e tinha cabelo curto e vermelho”, disse.

Segundo a avó da recém-nascida, Meire da Silva Batista, 33 anos, a família jamais pensou na possibilidade de o pai do bebê, um rapaz de 22 anos, estar envolvido no sequestro.

“Ele falava o tempo todo que não sabia se a criança era dele e que aguardava o bebê nascer para fazer DNA”, contou.

Por causa do susto, Meire diz que avalia a possibilidade de mudar de bairro. Ela classificou o sequestro como grave e diz que teme por sua vida, pela da filha e da neta.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)